Arquivo da tag: casas em interlagos sp

Pesquisando imóveis? Conheça nossa seleção de Casas e Apartamentos a vanda em sp

 

set11

Nesta edição selecionamos excelentes oportunidades em Casas e Apartamentos para venda ou aluguel nos bairro da Cidade Dutra, Interlagos e Campo Grande. Os imóveis para venda possuem documentação regular para financiamento bancário. Agora, se você não tem idéia do valor da prestação ou da sua capacidade de financiamento, entre em contato conosco e solicite um simulação.

Casa em Condomínio, na margem da Represa de Guarapiranga – Zona Sul de São Paulo

Troque seu automóvel por um Jet Sk i!!!

Casa de Alto Padrão com 1.597m² de área construída, área total 3605mts + 1000mts de marina, 5 Quartos sendo 2 suítes (c/ ar condicionado), sala de jantar, sala de estar (com 4 ambientes + lareira), casa de caseiro e banheiro de empregada. 3 Churrasqueiras, forno a lenha, home theater, campo de futebol, quadra de tênis profissional, piscina aquecida, sauna seca, jacuzzi, marina, píer iluminado, horta e estufa. Condomínio com  Heliponto e muita segurança.

 

Procurando imóvel?

Saiba em primeira mão quais os imóveis serão publicados na próxima edição da revista do bairro.

Lembramos que os anúncios pubicados é uma seleção das melhores oportunidades do mês captados pela imobiliária.

Por tanto, se você gostou de algum, não perca tempo e agende já uma visita.

 

 

Interlagos, o bairro.

INTERLAGOS é um bairro nobre localizado no distrito do Socorro, na zona sul da cidade brasileira de São Paulo.

Características

Em 1920 o engenheiro britânico Louis Romero Sanson adquiriu terras entre as Represas de Guarapiranga e Billings; o mesmo planejava construir um resort de luxo no local, um bairro balneário planejado visando à elite paulistana; contou com a ajuda do urbanista francês Alfred Agache que percebeu uma semelhança daquela região com a cidade de Interlaken, na Suiça.

Está situado na margem direita da Represa Guarapiranga; onde há diversos bolsões residenciais de alto padrão localizados em torno do Parque Jacques Counsteau.

Totalmente arborizado, sua topografia é considerada das mais peculiares da capital paulista. encontra-se inserido em área de proteção de mananciais e por isso possui uma ocupação rarefeita com grande permeabilidade do solo. por todas essas características, o seu tombamento foi realizado pelo CONPRESP em 2004.

Corresponde à Z1 na classificação do Plano Diretor da Cidade, ou seja, é um bairro estritamente residencial. Ocupa uma área de aproximadamente 2,25 km², com seu perímetro determinado pelas seguintes vias: Avenida Atlântica, Rua Leonardo Di Fásio, Avenida do Rio Bonito, Avenida Interlagos e Rua Nicolau Alayon.

Pertencente ao distrito de Socorro e localizado próximo ao distrito vizinho de Cidade Dutra (onde está localizado o Autódromo de Interlagos); boa parte da população local acredita que o bairro de Interlagos esteja situado, sob influências do Autódromo, em todas cercanias do mesmo, o que torna toda região popularmente conhecida como Interlagos.

Fonte: Wikipédia

Oportunidade maxxcasa – Sobrado 4 dorms no bairro Cidade Dutra  venda

Oportunidade MaxxCasa – Sobrado 4 dorms no bairro Cidade Dutra à venda.

www.maxxcasa.com – casas e apartamentos à venda em são paulo

Proprietário quer vender imóvel alugado

JulianaMoro no imóvel em que estou desde abril, com contrato de locação por um ano. Há alguns dias os corretores da imobiliária começaram a me procurar, informando que o proprietário pretende vender o imóvel, e que, caso não houvesse interesse de minha parte em comprá-lo, deveria assinar a desistência do direito de adquirir o bem e deveria concordar em marcar visitas e mostrar a casa para possíveis compradores. Declarei que eu assinaria a desistência , mas que não concordo com a invasão de minha privacidade até o fim do contrato. Desde então tenho sido pressionado por parte dos corretores. Tenho a obrigação de permitir essas visitas em minha casa? Caso a imobiliária opte por rescindir o contrato , quais são meus direitos? Caso fosse eu quem reincidisse o contrato , teria que pagar multa para isso? Posso impedir essas visitas? Em caso de venda, tenho o direito de permanecer até o final do contrato ou tenho prazo para sair?


Katia Peperaio (ADV) – A locatária deverá permitir as visitas do corretor de imóveis, com os interessados na compra do imóvel, desde que em datas e horários previamente agendados, conforme prevê expressamente a Lei de Locações, em seu artigo 23, inciso IX. No caso de venda, ficará a critério do novo proprietário se deseja a permanência da locação ou não, sendo que o novo proprietário poderá exigir a desocupação do imóvel, sem pagamento de multa ao locatário. O comprador seria obrigado a respeitar o prazo contratual da locação apenas na hipótese de existir cláusula de vigência no contrato de locação, e o contrato estiver registrado da certidão de registro imobiliária.

Fonte: Revista Zap imóveis

www.maxxcasa.com – casas e apartamentos à venda em são paulo

Para quem ainda não viu: Dicas para escolher o seu imóvel

Alguns cuidados que você precisa ter na hora de escolher um imóvel residencial ou comercial.

1. Conheça a região onde se localiza o imóvel, certifique-se que não há enchentes ou desapropriações.

2. Verifique a qualidade dos materiais utilizados na obra e dos equipamentos, como elevador, ar condicionado e acabamentos.

3. Verifique com seu Corretor  se o imóvel está registrado no Cartório de Registro e está em condições legais de ser comprado.

4. Verifique com seu Corretor se o imóvel está regular e se não possui débitos atrasados na Prefeitura.

5. Verifique as condições físicas do imóvel, como rachaduras, umidade, qualidade das portas.

6. Consulte vizinhos, zelador, funcionários do condomínio, informações importantes para ajudar na tomada de decisão.

7. Se for apartamento, verifique se o valor do condomínio cabe no seu orçamento e se está no valor médio praticado por outros, na mesma região e com os mesmos serviços.

8. Negocie  prazos e valores, lembre-se que quando financiar o vendedor estará recebendo o valor a vista.

9. Tudo que foi negociado com o vendedor deve constar no Compromisso de Compra e Venda, não faça acordos paralelos.

10. Não feche negócio antes simular o financiamento junto aos bancos para identificar a melhor taxa de juros.

11. Se o empreendimento estiver na planta, certifique-se que a construtora é idônea, possui credibilidade e compromisso para a entrega da obra na data prometida, consulte Serasa, SPC, Cartórios de Protesto e Procon.

http://www.maxxcasa.com – casas e apartamentos à venda em são paulo

Veja como é simples financiar um imóvel

Adquirir um imóvel através de financiamento não é tão complicado quanto parece, porém, o trâmite burocrático acaba assustando muitas pessoas. Por isso, é importante ter conhecimento sobre o assunto e, se possível, contar com o acompanhamento de profissionais para fazer uma negociação segura.

O primeiro passo para quem quer fazer um financiamento, segundo os grandes bancos do País, é realizar uma pesquisa que pode ser feita por meio de simulações com o gerente da instituição escolhida ou por meio de sites que oferecem o serviço. Os mesmos simuladores indicam as categorias de financiamento em que você se enquadra, de acordo com sua renda. Isso pode influenciar o valor máximo do imóvel a ser financiado e também a taxa de juros a ser paga.

Também é importante saber a quantia que a pessoa possui para dar de entrada no imóvel (dinheiro poupado mais recursos do FGTS, se for o caso). O valor da prestação não pode ultrapassar 30% da renda mensal da família. Além disso, na maioria das vezes, os financiamentos estão limitados a até 80% do preço do imóvel. Vale lembrar que quanto menor a parcela financiada, menor será seu gasto com juros. Portanto, se você tiver economias guardadas, os especialistas sugerem adquirir o imóvel à vista ou dar uma boa entrada. Neste caso, é possível conseguir um bom desconto.

FGTS – É possível utilizar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para reduzir a quantia financiada ou até mesmo para pagar integralmente o imóvel. Para obter o benefício, o interessado deve provar que trabalha há pelo menos três anos sob o regime do FGTS e não pode ser proprietário de outro imóvel.

Existem algumas regras para o uso do FGTS. A casa ou apartamento deve estar localizado no perímetro urbano, de preferência no município onde o comprador exerce sua ocupação principal, ou em uma cidade vizinha, na mesma região metropolitana, onde deve morar há pelo menos um ano. O valor do bem não pode ultrapassar R$ 500 mil.

TABELAS – Quanto aos sistemas de juros , o banco e o cliente podem definir o tipo de tabela para estabelecer o valor da prestação. Existem duas tabelas mais utilizadas: Price (Sistema Francês de Amortização) e SAC (Sistema de Amortização Constante.

O consumidor deve analisar qual é a melhor forma de pagamento, levando em consideração seu orçamento mensal. A tabela Price é caracterizada pela utilização de juros compostos e também pelo valor fixo da parcela. O valor da amortização é obtida subtraindo-se os juros da prestação. Já a tabela SAC é caracterizada pela amortização constante do saldo devedor e também pelo valor decrescente da parcela. Neste caso, a prestação inicial é maior do que na tabela Price. Atualmente é a mais conhecida e utilizada.

Depois de saber o quanto pode gastar na compra do imóvel, o comprador pode procurar uma casa para morar. Essa propriedade será avaliada pelo banco, que analisa suas condições de moradia e se o valor pretendido pelo vendedor é compatível com a situação física do imóvel. Após a aprovação, os papéis são assinados e o comprador vai até o Cartório de Registro de Imóveis, onde será realizada a averbação na matrícula do bem relatando a transferência de titularidade da casa. Na seqüência, o comprador recebe as chaves do imóvel em prazo combinado entre as partes.

PASSO-A-PASSO:

1 – O comprador precisa preencher a proposta de financiamento com um banco

2 – O banco fará uma análise da sua capacidade de pagamento

3 – O banco mandará um especialista para vistoriar o imóvel

4 – Agora é preciso unir todos os documentos, do comprador, imóvel e vendedor

5 – A documentação será analisada para confirmar que não existirá risco na aquisição do bem

6 – O banco emitirá um contrato particular de compra e venda com financiamento para o comprador e o vendedor assinarem

7 – O comprador deverá pagar o Imposto de Transmissão de Bens e Imóveis (ITBU), que a alíquota fixada pelos municípios, e levar o contrato para o Cartório de Registro de Imóveis, para registrar a efetivação da compra

8 – Concluída as etapas anteriores, o comprador deverá enviar uma via do contrato registrado para que o banco libere o financiamento para o vendedor

9 – O comprador recebe as chaves do imóvel em prazo combinado entre as partes

http://www.maxxcasa.com – casas e apartamentos à venda em são paulo

Marketing imobiliário na internet

O uso da web na busca por imóveis já supera classificados de jornais impressos, segundo uma recente pesquisa realizada pelo IBOPE.

Compradores de imóveis que usam a internet passam mais tempo pesquisando por conta própria e usam o tempo do corretor de maneira mais eficiente e produtiva.

A necessidade de crescimento fez com que diversas empresas do mercado imobiliário repensassem sua estratégia de marketing e buscassem explorar novas formas de propagar seus produtos.

Em tempos de incertezas, investimentos que trazem retornos mensuráveis se tornaram ainda mais importantes e a Internet é o meio onde a “mensuração” é o diferencial. “Com uma queda em 2008, o mercado imobiliário está se recuperando do crash mundial e a necessidade de investimento em marketing digital é a enorme concorrência no setor”, diz Gueta Ridzi Kathar, da Homewebbing, agência de marketing digital.

É cada vez mais comum a pesquisa por apartamentos e casas pela web antes da visita pessoal ao local. “Muitas pessoas consultam a internet para colher informações e ver fotos do empreendimento. As pessoas estão sem tempo no seu dia a dia e a internet é a solução ideal neste processo de primeira procura”, complementa Sergio Coelho, diretor da Homewebbing.

O investimento das empresas do setor imobiliário em marketing digital é proporcional ao VGV (Valor geral de vendas) e depende de construtora pra construtora. “Cada vez mais as empresas querem investir em soluções de geração de leads, de prospect para possíveis venda, ressalta Sergio.

Em sites de imóveis os itens mais valorizados são: fotos e informações detalhadas, informações sobre vizinhança, mapas e rotas de como chegar ao local.

Fonte: Administradores.com.br

www.maxxcasa.com – casas e apartamentos à venda em são paulo

Dicas para ganhar espaço e privacidade na casa

Portas de correr para ampliar ambientes e reforçar a decoração.

No lugar das paredes, enormes portas de correr para unir ambientes e dar sensação de amplitude ao espaço. Algumas delas roubam a cena na decoração da casa. Outras se disfarçam de parede. Nos projetos de arquitetura, essas peças assumem diferentes funções e são feitas de materiais variados. Vale usar e abusar da criatividade.

A porta de correr da sala de um apartamento no Recreio projetado pelas arquitetas Claudia Pimenta e Patrícia Franco, é a vedete do ambiente. Feita de madeira ebanizada, a peça, que separa o home theater da sala de estar, conta ainda com um detalhe em vidro para dar maior destaque na decoração clássica com toques contemporâneos.

“As portas de correr são um dos pontos altos da decoração desse espaço. A cor preta foi intencional, para contrastar com as cores mais neutras do pufe, do sofá e do tapete. Além disso, procuramos unir diversas funções no ambiente, como o descanso, o lazer, o lugar para assistir a um filme ou saborear um vinho na adega que fica no canto do home theater”, explica a arquiteta Patrícia Franco.

Para criar um cantinho mais sossegado na sala de um apartamento no Leblon, o arquiteto Maurício Nobrega incluiu no projeto portas de correr com venezianas. A ideia foi dar leveza ao espaço e possiblitar ao morador interagir com o ambiente vizinho sem precisar abrir as portas. A proposta das portas de correr era integrar ambientes e evitar o compartimento por paredes sem tirar totalmente a privacidade de quem está usando cada cômodo, quando necessário.

No projeto da designer de interiores Roberta Devisate para um apartamento no Ingá, as portas de correr que separam o quarto do closet estão disfarçadas de parede. Mas a peça merece atenção especial. No painel de laca que acompanha o movimento de abertura da porta há uma TV de Plasma acoplada. Cores suaves, colcha de algodão e palha no revestimento das paredes contribuem para compor um clima suave na decoração moderna e clean.

A arquiteta Monique Granja também lançou mão das portas de correr para aumentar a área de estar e integrá-la ao único quarto de um apartamento em Botafogo. O projeto cria um espaço multifuncional que pode atuar como home office durante o dia, e como quarto à noite.

“Esse tipo de porta libera a circulação quando o espaço disponível é pequeno. Pode ser prevista, ainda, quando o projeto está em planta ou ser colocada durante uma reforma”, diz a arquiteta.

Fonte: Revista ZAP

www.maxxcasa.com – casas e apartamentos à venda em são paulo